Quarta, 27 de Janeiro de 2021
19 99746-0072
Geral Níveis Críticos

Secretário de saúde de SP pede doações de sangue para vítimas de acidente de ônibus: 'risco de não poder dar devida assistência'

Jean Gorinchteyn disse que estoque já estava em 'níveis críticos' antes de acidente.

25/11/2020 12h48 Atualizada há 2 meses
425
Por: A Estância Fonte: G1
Secretário estadual de Saúde São Paulo, Jean Gorinchteyn, doa sangue nesta quarta-feira (25) para estimular doações — Foto: TV Globo
Secretário estadual de Saúde São Paulo, Jean Gorinchteyn, doa sangue nesta quarta-feira (25) para estimular doações — Foto: TV Globo

O secretário estadual de Saúde São Paulo, Jean Gorinchteyn, pediu nesta quarta-feira (25) que a população vá aos hemocentros para doar sangue para as vítimas do acidente que deixou 41 mortos no interior do estado. 

"Nós temos risco de não poder dar a devida assistência a essas pessoas que tanto precisam, por isso que nós estamos clamando às pessoas da região para que estejam indo nos hemocentros", disse o secretário.

Segundo o secretário, os níveis dos estoques já estavam críticos antes do acidente. "Hoje os estoques, em virtude da pandemia, se reduziram para dias. Chegamos a níveis emergenciais de termos estoques para um dia só. Agora temos níveis que nós chamamos críticos, que dão para dois dias". 

Para estimular as doações, o secretário doou sangue nesta quarta-feira no Posto Clínicas da Fundação Pró-Sangue. Neste dia, 25 de novembro, é comemorado o Dia Nacional do Doador de sangue. 

Para doar

•        Procure o Hemocentro de Botucatu e agende sua doação pelo telefone (14) 3811-6041 (ramal 240) ou pelo WhatsApp (14) 99624-7055 / (14) 99631-5650. 

Acidente no interior

Um acidente entre um ônibus e um caminhão deixou 41 mortos na manhã desta quarta-feira (25) em Taguaí, na região de Avaré (SP), segundo a Polícia Militar de São Paulo. A colisão aconteceu no km 172 da Rodovia Alfredo de Oliveira Carvalho.

Segundo o porta-voz da PM, tenente Alexandre Guedes, este é o maior acidente do ano nas rodovias do estado de São Paulo. 

O tenente diz ainda que o local é de difícil acesso e as informações ainda estão em atualização. Os corpos dos mortos estão sendo levados para o Instituto Médico Legal (IML) de Avaré.

Ele1 - Criar site de notícias