Sexta, 05 de Junho de 2020
19 99746-0072
Polícia Polícia

Preso liberado por conta da pandemia foi capturado traficando na Rodovia João Melão

O preso acabou confessando que, devido à pandemia do COVID 19, a Justiça o autorizou a deixar a prisão no Estado do MS e cumprir um regime domiciliar.

29/04/2020 10h15
579
Por: A Estância
Preso liberado por conta da pandemia foi capturado traficando na Rodovia João Melão

 

No final da tarde desta terça-feira (28) um homem foi preso por tráfico de drogas na Rodovia João Melão próximo ao pedágio de Botucatu (SP).

Durante fiscalização a Equipe do Tático Ostensivo Rodoviário -TOR abordou um veículo do município de Itaí/SP.

Ao ser abordado, após busca pessoal, não havendo nada de ilícito nas suas vestes, foram solicitados os documentos para fiscalização administrativa e feitas indagações a respeito da viagem que o homem, de 52 anos, fazia.

Ao observar a documentação, foi constatado pelos policiais militares rodoviários que o abordado estava com a validade da CNH vencida e passou a ficar mais nervoso com os questionamentos que eram feitos.

Devido a atitude suspeita, a Equipe do TOR decidiu realizar uma busca minuciosa no automóvel, sendo localizado dentro do encosto do banco do passageiro dianteiro um tablete de cocaína pura, que posteriormente pesou 480 gramas  e um pacote de droga conhecida como Skunk que pesou 240 gramas.

Foi dada voz de prisão em flagrante a S. S. R. pelo cometimento do crime de tráfico de drogas.

O preso confessou que adquiriu a droga em São Manuel e a transportaria até o município de Itaí.

O preso foi informado dos seus direitos constitucionais, dentre eles o de permanecer calado e foi conduzido até a delegacia de plantão de Botucatu para o registro do flagrante e apreensão da droga, um aparelho celular e o veículo.

Após algumas consultas, os policiais militares rodoviários do TOR descobriram que o preso já tinha sido flagrado com 254 kg de maconha no município de Caraapó/MS, no ano de 2015 e estava cumprindo pena no regime semiaberto na Penitenciária Estadual de Dourados.

O preso acabou confessando que, devido à pandemia do COVID 19, a Justiça o autorizou a deixar a prisão no Estado do MS e cumprir um regime domiciliar.

O preso será foi ao CDP de Itatinga.

Ele1 - Criar site de notícias