Do jornal A Comarca

Secretaria da Saúde contesta suposta falta de antídoto contra veneno de escorpião

Saúde

07/01/2019 13h55
Por: A Estância
Fonte: A Comarca
447

Na manhã de hoje, segunda-feira, 7, o secretário de Saúde de Avaré, Roslindo Machado, entrou em contato com a Redação do jornal A Comarca para contestar a notícia de que uma criança teve que ser transferida para Botucatu por falta de soro antiescorpionico na rede de saúde local. 

Segundo ele, a Secretaria de Saúde mantém estoque do medicamento a disposição de eventuais ocorrências. "Se alguém disse que não temos o soro pra veneno de escorpião, não é verdade", relatou. 

A notícia, publicada originalmente na página do Jornal A Comarca no Facebook, se baseou em relato de uma mãe, identificada como C.M.,  que denunciou a falta do medicamento, o que teria feito com que a criança fosse encaminhada ao hospital de Botucatu. O caso também foi repercutido pelo vereador Flávio Zandoná.

A Comarca também entrou contato com o vice provedor da Santa Casa, Miguel Chibane, que confirmou as palavras do secretário. "A Santa Casa tem o soro pra veneno de escorpião sim". Ele explica que, de acordo com o prontuário de atendimento da criança, a decisão de não aplicar o soro foi do médico que a atendeu. "Ela foi atendida e o médico entendeu que não havia necessidade do soro". Chibane acrescenta que a criança foi transferida para Botucatu por responsabilidade da mãe.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários